7 de fevereiro de 2013

Biblioteca de Sines recorda
pedagogo Janusz Korczak

A Biblioteca Municipal de Sines tem patente ao público, até 18 de Fevereiro, a exposição "Janusz Korczak: Reformador do Mundo", dedicada ao pedagogo polaco que ficou conhecido pela sua dedicação ao ensino dos mais jovens e pelos seus inovadores métodos educativos.
A exposição é cedida pela Embaixada da Polónia em Portugal e, desta forma, o Município de Sines pretende associar-se ao Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto.
Nascido em 1878, Janusz Korczak formou-se em medicina e desenvolveu uma promissora carreira literária, mas foi como pedagogo que se celebrizou, desenvolvendo teorias educativas inovadoras.
Fundou um orfanato para crianças judias, entre os sete e os 14 anos, que dirigia como uma democracia: as crianças tinham o seu próprio parlamento, jornal e tribunal, meios à sua disposição para debater eventuais transgressões e decidir quais as sanções a aplicar.
O seu derradeiro ato heróico aconteceu como prisioneiro no Gueto de Varsóvia. Juntamente com as 200 crianças que habitavam a escola que dirigia, declinou as ofertas de amigos para se salvar e acompanhou os alunos na viagem final para o campo de extermínio de Treblinka.

Nenhum comentário:

Postar um comentário