6 de fevereiro de 2013

Concertos

Optimus Primavera Sound regressa com mais um bom cartaz



Sob o nome Optimus Primavera Sound, este evento musical apresenta-se como o homólogo português
do festival open-air Primavera Sound, que se realiza em Barcelona desde 2001.
Pelo segundo ano consecutivo celebramos este novo evento na cidade do Porto que, pelas suas características e qualidades, se apresenta ideal para acolher um evento com a marca “Primavera Sound”.

A primeira edição do festival, que se realizou de 07 a 10 de Junho de 2012, teve lugar no Parque da Cidade, um parque urbano, de grandes dimensões, localizado ao largo da costa atlântica e com capacidade para receber cerca de 30.000 pessoas por dia.

O cartaz do Optimus Primavera Sound conta com uma ampla selecção de artistas internacionais, a par de uma significativa representação do panorama musical português.
A linha artística segue as mesmas directrizes do evento musical barcelonês, que se distingue pela variedade de estilos e pela aposta em novas bandas, destacando tanto o panorama local como artistas internacionais, com longas e respeitadas carreiras.

Depois do sucesso da primeira edição, o Optimus Primavera Sound é já uma paragem obrigatória no panorama de festivais do sul da Europa.
Em 2012, o Parque da Cidade recebeu mais de 75.000 pessoas, 60% das quais provenientes de países estrangeiros.
A par da excelente localização e comunicação da cidade dentro do continente europeu, a entrada do festival no panorama musical português contribuiu para o crescimento do Porto, para a sua projecção enquanto capital cultural e para a sua dinamização internacional como destino turístico.

A primeira edição do festival Optimus Primavera Sound foi um verdadeiro sucesso.
Durante os três dias do festival passaram pelo recinto mais de 75 mil pessoas, das quais mais de 60% provenientes de países estrangeiros, de mais de 40 nacionalidades diferentes.

Entre os vários factores de sucesso do festival encontra-se a qualidade do cartaz, responsável pela actuação, no Porto, das melhores bandas de música independente e alternativa da actualidade, a par de nomes já consagrados, comprovando que este festival continua a ser a referência mundial no panorama musical.

Por todos estes motivos a organização orgulha-se de trazer o Optimus Primavera Sound de volta à cidade do Porto, entre os dias 30 de Maio e 01 de Junho, no Parque da Cidade, cumprindo assim a promessa de trazer à cidade a melhor música independente do mundo e contribuindo, uma vez mais, para a dinamização cultural e socio-económica da cidade.
Entre 30 de Maio e 01 de Junho passaram 52 nomes pelo Parque da Cidade do Porto (ordem alfabética): Blur, The Breeders, Dan Deacon, Daniel Johnston, Daughn Gibson, Dead Can Dance, Dear Telephone, Deerhunter, Degreaser, Dinosaur Jr., Do Make Say Think, Explosion In The Sky, Fidlar, Four Tet, Foxygen, Fuck Buttons, Fucked Up, Ghostigital, Glass Candy, The Glockenwise, Grizzly Bear, Guadalupe Plata, Hot Snakes, James Blake, Julio Bashmore, L’Hereu Escampa, Liars, Local Natives, Los Planetas, The Magician, Manel, Meat Puppets, Melody’s Echo Chamber, Memória de Peixe, Merchandise, Metz, My Bloody Valentine, Neko Case, Nick Cave & The Bad Seeds, Nurse With Wound, OM, Paus, Pegasvs, Rodriguez, Roll The Dice, Savages, The Sea And Cake, Shellac, Swans, Titus Andronicus, White Fence e Wild Nothing.

Nenhum comentário:

Postar um comentário