1 de fevereiro de 2013

FADISTA Artur Henrique dos Santos Batalha, nasceu em Alfama a 14 de Abril de 1951.

 Cantou em público pela 1ª vez com nove anos.
Começou sua carreira aos 14 anos, na Taverna do Embuçado em Alfama.
Em 1971 venceu a Grande Noite do Fado no Coliseu dos...
Recreios, em Lisboa.

Temas gravados: -

 A cruz que eu te dei
A mulher ideal
Á porta do Fado
Agora ficamos sós
Amor cansado
Ao longo do tempo
As chinelinhas
Balada da distância
Boneca atrevida
Cansaço
Chinelas da Mouraria
Choro de criança
Cinco minutos
Coração embriagado
Cravo porta
Diz o que queres
É a lei da vida
Em busca de perdão
Essa varina
Esse sorriso
Esta dor é saudade
Estás a pensar em mim
Fado do cacilheiro
Fado de um mundo louco
Faz-te forte
Faz-se tarde minha mãe
Fica onde estás
Filho da noite
Foi ali
Foi ontem
Hoje morreu um poeta
Igreja de Santo Estevão
Ingrata
Lamento à mãe
Leio em teus olhos
Maria quero-te tanto
Menino de Alfama
Menino. menino
Meu irmão fora da lei
Meu recado de poeta
Minha mãe de saudade
Morena gaiata
Mulher do bairro da lata
Mundo de Inverno
Não sei se morro, se vivo
Nasci à esquina do medo
Nasci de noite sem berço
Nasci em lençóis de palha
Nem às paredes confeço
Noites sem fim
O amor é louco
O canto do cisne
O menino que não fui
Ó minha mãe, minha mãe
O mundo é ela
O vaivém do cacilheiro
Olhos turvos
Os lobos da serra
Os meus dois putos
Pintadinho
Poetas do paraiso
Prenda de Natal
Quadras do Aleixo
Quando o meu amor me cansa
Quem és tu
Restos de noite
Sinas trocadas
Sinceridade
Sonho tropical
Sou
Tempo é fome
Trago a minha vida presa
Trigueirinha de olhos verdes
Velas de luar
Vida sem sentido
Zé canoeiro

http://youtu.be/I8K09nGHmbM
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário